Logo Sanar

Carreiras

Quer questões de Buco? Veja 5 comentadas e saiba onde conseguir mais

questoescomentadasbuco.png (3.28 MB)

Resolver questões é um método muito eficiente na preparação para quem deseja passar em uma Residência em Bucomaxilofacial. É importante incluir um momento na rotina de estudos dedicado a esta tarefa, pois assim é possível entender como está o seu desempenho, o que precisa melhorar e quais assuntos está dominando. Neste artigo, separamos para os caveiras 5 questões comentadas de Bucomaxilo que podem te ajudar na jornada rumo à aprovação.

Lembre-se que, com os comentários das alternativas, você aprende com as respostas certas, mas também com as incorretas. E não deixe de ler até o final para saber como você pode otimizar a sua busca por questões


SAIBA COMO ESTUDAR PARA CONCURSO E RESIDÊNCIA ATRAVÉS DE QUESTÕES


Questão 1

SES RJ FUNDAÇÃO SAÚDE - CEPERJ - 2011

A artéria carótida comum pode ser palpada dirigindo-se o dedo para posterior entre:

a) A traqueia e o músculo esternocleidomastoídeo.

b) A cartilagem cricoide e o músculo milo-hioideo.

c) A traqueia e o músculo omo-hioideo.

d) A cartilagem cricoide e o músculo digástrico.

 

Agora confira a resposta:

*

*

*

Alternativa A: CORRETA. Para a palpação da artéria carótida, desliza-se o dedo na

traqueia, nos primeiros anéis traqueais, em direção ao músculo esternocleidomastoideo.

Alternativa B: INCORRETA. O músculo milo-hioideo localiza-se no assoalho bucal, sem

relação anatômica com a carótida.

Alternativa C: INCORRETA. O músculo omo-hioideo localiza-se na região inferior do

pescoço, entre o osso hioide e o omoplata.

Alternativa D: INCORRETA. Não se localiza a artéria comum nessa região.


Questão 2

UFAL – IDECAN – 2014

Mulher, 41 anos, apresenta lesão assintomática, radiotransparente, unilocular de margens bem definidas, com flocos radiopacos no interior da lesão. A lesão localiza-se na região periapical de canino e pré-molares superiores e ocasiona reabsorção radicular de alguns dentes. Assinale a alternativa que apresenta a lesão de origem odontogênica que melhor se enquadra nos aspectos clínicos e radiográficos descritos.

 

a) Fibro-odontomaameloblástico.

b) Fibroma odontogênico central.

c) Cisto odontogênico calcificante.

d) Tumor odontogênico adenomatoide.

e) Tumor odontogênico epitelial calcificante.

 

Agora confira a resposta:

*

*

*

Alternativa A: INCORRETA. O fibro odontoma ameloblástico raramente é visto em adultos e normalmente é associado a um dente incluso.

Alternativa B: CORRETA. Corresponde a 0,1% de todos os tumores odontogênicos. Normalmente é diagnosticado apenas com exames radiográficos de rotina.

Alternativa C: INCORRETA. O cisto odontogênico calcificante ocorre com a mesma frequência na maxila e mandíbula, sendo que cerca de 65% dos casos são encontrados na região de incisivo e canino. Na maioria das vezes são diagnosticados entre a segunda e terceira décadas de vida. Radiograficamente apresenta-se como uma lesão unilocular radiotransparente bem definida, apresentando estruturas radiopacas no seu interior em cerca de 50% dos casos. Causa reabsorção radicular dos dentes adjacentes, e em aproximadamente um terço dos casos está associada com um dente incluso, geralmente um canino. Poderia ser considerado uma resposta correta para essa questão.

Alternativa D: INCORRETA. O TOA é reconhecidamente incomum em pacientes com mais de 30 anos de idade e em 75% dos casos apresenta-se como uma área radiotransparente circunscrita que envolve a coroa de um dente incluso, muitas vezes um canino.

Alternativa E: INCORRETA. Cerca de 75% dos casos deste tumor são observados na mandíbula, frequentemente associado com um dente impactado, muitas vezes um terceiro molar. Apresenta aspecto radiográfico unilocular ou multilocular, muitas vezes de margens festonadas. Pode ser totalmente radiotransparente ou apresentar calcificações em seu interior.


Questão 3

UFMG – AOCP – 2014

Das situações listadas a seguir, a única que nunca necessita de intervenção cirúrgica é o/a:

 

a) Nódulo de Bohn.

b) Cisto de erupção.

c) Hematoma de erupção.

d) Epúlide congênita do recém-nascido.

e) Rânula.

 

Agora confira a resposta:

*

*

*

Alternativa A: CORRETA. Os cistos palatinos do recém-nascido, ou pérolas de Epstein ou ainda nódulos de Bohn, são pequenas pápulas branco-amareladas de 1 a 3 mm que aparecem ao longo da linha média do palato, próximo à junção do palato duro com o mole, muito comuns em recém-nascidos. São lesões inofensivas que se curam espontaneamente, não necessitando de tratamento.

Alternativa B: INCORRETA.O cisto de erupção é o correspondente, no tecido mole, do cisto dentígero. Desenvolve-se como resultado da separação do folículo dentário de um dente em erupção. Pode não ser necessário nenhum tratamento, mas algumas vezes é necessária uma excisão da cobertura do cisto.

Alternativa C: INCORRETA. É outro nome dado ao cisto de erupção, portanto, trata-se da mesma coisa. Recebe esse nome porque frequentemente o cisto é traumatizado e se observa a presença de sangue no líquido cístico.

Alternativa D: INCORRETA. É um tumor raro de tecidos moles, que ocorre exclusivamente no rebordo alveolar de neonatos. É tratado pela excisão cirúrgica, não existindo relatos de recidiva.

Alternativa E: INCORRETA. Rânula é o termo usado para mucoceles que ocorrem no assoalho bucal. Deve ser tratada por marsupialização ou excisão da rânula juntamente com a glândula sublingual envolvida.


Questão 4

UFMG – AOCP – 2014

Das lesões listadas a seguir, a que apresenta relação com a suscetibilidade para o desenvolvimento de câncer é a

a) taurodontia.

b) displasia ectodérmica.

c) displasia dentinária.

d) dentinogênese imperfeita.

e) hipodontia.

 

Agora confira a resposta:

*

*

*

Alternativa A: INCORRETA. A taurodontia é o aumento do corpo e câmara pulpar de um dente multirradicular, com deslocamento apical do assoalho pulpar e bifurcação das raízes. Não está relacionada ao desenvolvimento de câncer.

Alternativa B: INCORRETA. A displasia ectodérmica é uma condição onde estruturas anatomicamente derivadas do ectoderma não se desenvolvem. Os pacientes normalmente apresentam um número reduzido de dentes e a forma das coroas é anormal. Não está relacionada ao desenvolvimento de câncer.

Alternativa C: INCORRETA. Condição que afeta a organização da dentina, podendo causar raízes curtas, fragilidade dentária e alterações de coloração dos dentes.

Alternativa D: INCORRETA. É um distúrbio de desenvolvimento hereditário da dentina, caracterizada por alterações da pigmentação dentária, que varia de azul a amarronzada, alterações de forma e fragilidade exagerada à atrição. Não está relacionada ao desenvolvimento de câncer.

Alternativa E: INCORRETA. Hipodontia é um termo usado para descrever pacientes que apresentam um número reduzido de dentes, estando associada com várias condições, como a displasia ectodérmica.


Questão 5

Prefeitura Municipal de Natal (RN),2018

20. (UFBA – HUPES – 2014)

A respeito do tratamento das infecções do seio maxilar, não é correto afirmar que:

a) É baseado na combinação de tratamento clínico e cirúrgico.

b) O tratamento cirúrgico é indicado em todas sinusopatias crônicas, mesmo sem

tratamento clínico prévio.

c) O tratamento clínico inclui antibióticos, descongestionantes e corticoides.

d) Os descongestionantes sistêmicos, como a pseudoefedrina, podem ser utilizados.

e) Sinusites fúngicas normalmente tratadas cirurgicamente.

 

Agora confira a resposta:

*

*

*

Alternativa A: INCORRETA. As infecções do seio maxilar são tratadas em conjunto: clínico e cirúrgico. O uso de descongestionantes nasais locais e sistêmicos, corticoides e antibióticos são associados à terapia cirúrgica de sinusectomia.

Alternativa B: CORRETA. Normalmente, os tratamentos clínicos e cirúrgicos andam juntos, frente às infecções sinusais.

Alternativa C: INCORRETA. Esses medicamentos citados são os utilizados para tratamento línico de infecções sinusais.

Alternativa D: INCORRETA. Os descongestionantes sistêmicos à base de pseudoefedrina são normalmente utilizados.

Alternativa E: INCORRETA. As infecções sinusais fúngicas são normalmente tratadas através de sinusectomias e curetagem vigorosa, associada a antifúngicos após cultura e identificação do micro-organismo.


O que achou? Gabaritou tudo?

Ao estudar por questões, você consegue entender o funcionamento da banca ou instituições, como os assuntos são abordados e quais mais caem e também fixa o conteúdo aprendido anteriormente. Porém nem sempre é fácil encontrá-las, né?

Então quero te apresentar um aplicativo que pode te ajudar muito, não só com milhares de questões, como também com filtros importantes como assunto, disciplina e profissão.

É o app Sanar Saúde! São mais de 100 mil questões gabaritadas da área de Saúde inteiramente GRATUITAS para você se preparar para as provas de Residência (e Concurso também, se você tiver interesse)! Você também encontra milhares de questões comentadas pelos nossos professores. Não deixe para depois: baixe agora!

 

Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.
Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.