Todas as Áreas

Carreiras

Está na graduação pensando na residência? | Colunista

Está na graduação pensando na residência? | Colunista

Está na graduação pensando na residência_.jpg (70 KB)

A residência talvez seja a possibilidade de pós-graduação mais visada entre os graduandos. Isto se dá pois pensamos muito em ter a teoria integralizada com a prática, sendo a prática a maior parte da Residência. Contudo, com o desejo de se fazer residência vem as dúvidas, pois há muitas informações superficiais na íntegra. Como isto nem sempre é uma realidade para os professores de graduação para sanar essas dúvidas, não temos onde pesquisar; estamos aqui para te ajudar!

O que fazer para cursar a Residência?

Primeiro de tudo, se você for um graduando, monte seu currículo acadêmico. 

Como fazer isso?

Bom, procure projetos na sua faculdade e participe deles, escreva artigos, resumos expandidos e simples, faça parte de monitorias; em suma, produza o máximo que você puder, pois há análise curricular na seleção de residências.

Em segundo lugar, pense na área que você gostaria de trabalhar e pesquise onde elas são oferecidas e o que elas exigem dos estudantes. Assim, quando chegar à sua vez de fazer inscrição na residência, você saberá exatamente o que ter de documentos e como enviar, para não ter “erros de primeira viagem”.

Saiba que é necessário estar registrado no conselho de classe correspondente ao estado que você irá prestar, ok?! Por exemplo, se você for fazer residência em Goiânia, no caso da enfermagem, é necessário ter o COREN-GO ativo. 

A seleção se dá com prova objetiva (de caráter eliminatório e classificatório) e análise de currículo (caráter classificatório). Leia o edital de onde você pretende concorrer para ver como são e quais são os conteúdos da prova objetiva.

Escolhi minha área e agora?

Se você já escolheu sua área profissional, parabéns! Agora, verifique os programas de residências e saiba como esta área está sendo disposta nos editais anteriores. Os editais, as provas e todo o processo seletivo normalmente seguem a mesma lógica de época do ano e datas que são disponíveis; tome nota disto e se programe para ter todos os documentos em mãos e digitalizados (para mandar para a curadoria da Residência).

Se programe pois a residência não permite ter vínculos empregatícios. A bolsa de residência normalmente estão na média de 3.300 reais.

Caso você tenha escolhido a sua área mas está perdido entre Residência e pós-graduação, aqui vai algumas vantagens das residências:

  • Tem um peso maior para o mercado de trabalho;

  • A experiência de estudar na teoria e na prática ao mesmo tempo é sensacional;

  • Há remuneração enquanto se estuda;

  • Você sairá com o título de especialização;

  • Proporciona uma experiência prática com auxílio de professores capacitados.

Caso você não saiba como encontrar os editais, é somente pesquisar por “residência multiprofissional em (a instituição que você deseja)” ou entrar no portal da universidade (caso você deseja fazer em uma instituição pública) e procurar por editais. 

Disponho um edital aqui para você consultar: https://centrodeselecao.ufg.br/2020/coremu-ufg/sistema/editais/EDITAL_N1_2020.pdf

Matérias relacionadas:

Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.
Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.