Todas as Áreas

Carreiras

Formei, e agora? Como escolher uma pós-graduação | Colunista

Formei, e agora? Como escolher uma pós-graduação | Colunista

Ao terminar uma graduação, sentimos aquela alegria por ter vencido cada desafio enfrentado mas também nos deparamos a ansiedade relacionada aos caminhos que podemos seguir. Para lidar melhor com essa ansiedade, é importante refletir sobre as afinidades durante a trajetória acadêmica para elencar as possibilidades dessa nova fase que esta começando. 

A conquista do primeiro emprego muitas vezes não é tão simples. Alguns recrutadores exigem a experiência da prática profissional que o recém-graduado tem dificuldade para adquirir (SOARES, 2019). Nesse sentido, dentre os possíveis caminhos para a seguir em frente após tornar-se enfermeiro, esta o fortalecimento do currículo ingressando em uma pós-graduação. Mas afinal, qual pós-graduação escolher? Quais caminhos seguir?

Pós-graduação

Inicialmente, é importante compreendermos o que é uma pós-graduação e quais as modalidades disponíveis. Como o próprio nome sugere, a pós-graduação é um curso oferecido a profissionais que já tenham concluído algum curso de nível superior (MEC, 2018). É possível encontrar pós-graduações do tipo Lato Sensu, como MBA (Master Business Administration), especializações e residências; e pós-graduações do tipo Stricto Sensu como os mestrados, e doutorados. 

Além das diferenças de carga horária, as pós-graduações Lato Sensu e Stricto Sensu também possuem outras especificidades, que conheceremos a seguir:

Especialização ou MBA – Lato Sensu

Os cursos de especialização têm o objetivo de realizar o aprofundamento teórico em determinada área. De acordo com o Ministério da Educação – MEC – (2018), a carga horária mínima para um curso ser considerado especialização é de 360 horas. As especializações e MBA’s podem ser realizados online, semi-presencial ou presencial, dependendo da instituição organizadora. 

Uma grande vantagem de realizar a especialização é o aprofundamento teórico em determinado assunto, além de ser uma modalidade que favorece a conciliação entre a atuação profissional e os estudos. 

Residência – Lato Sensu

Os programas de residência podem ser uniprofissional – apenas 1 categoria – ou multiprofissional – mínimo de 3 categorias – (MENDES, 2020). Também é conhecida como treinamento em serviço, pois oportuniza uma maior interação do residente com as atividades práticas, visto que 80% da carga horária de 60 horas semanais é dedicada a prática e 20% é dedicada a teoria (SOARES, 2019). 

As residências têm duração de no mínimo 2 anos e demandam dedicação exclusiva. É uma ótima oportunidade para quem deseja adquirir ou aprimorar habilidades da prática profissional. O ingresso é por meio de processo seletivo, com etapas que variam de acordo com cada instituição, e os aprovados têm direito a bolsa de estudos mensalmente  (SOARES, 2019). Aqui no blog da Sanar você encontrará muitos textos sobre as residências em saúde. 

Mestrado – Stricto Sensu

O programa de mestrado é na modalidade Stricto Sensu. É um tipo de pós graduação voltada para a carreira acadêmica, que poderá lhe preparar para atuar nas dimensões do educar e do pesquisar em enfermagem. Um enfermeiro com mestrado poderá compor o quadro de docentes de uma universidade, além de atuar como pesquisador nas mais diversas áreas da enfermagem e da saúde como um todo (MEC, 2018). 

Durante os dois anos de realização do mestrado, você contará com disciplinas que tenham relação com a temática escolhida para o desenvolvimento e defesa de sua dissertação.

Doutorado – Stricto Sensu

A conquista de um doutorado é vista como o ponto alto da carreira acadêmica. Este é um curso com maior aprofundamento na pesquisa científica, e ao final dos quatro anos de duração você deverá apresentar uma tese, que consiste numa pesquisa original, em uma perspectiva inédita que contribua para a construção e para a difusão do conhecimento (ULIVING, 2019).

A maioria dos processos seletivos do doutorado têm como pré-requisito o diploma de mestre, mas caso a proposta e o currículo do candidato sejam relevantes, há possibilidade do ingresso em doutorado direto, sem ter o título de mestre (ULIVING, 2019). 

Conclusão

O fortalecimento do currículo com o ingresso em cursos de pós-graduação é algo importante não somente para o primeiro emprego mas também para uma progressão no trabalho, mudança de área de atuação, aquisição de novas habilidades e também para a ampliação de networking. Além disso, contam como títulos ao realizar concursos públicos. 

Aproveite as oportunidades. Caso você tenha um perfil mais acadêmico e goste do ensino e da pesquisa, o mestrado e o doutorado podem ser boas escolhas. Mas se estiver no momento de focar em aquisição de habilidades práticas, quem sabe a residência em saúde não seria uma boa? E ainda se você já esta atuando na profissão, ou deseja uma pós-graduação que seja mais breve, verifique as possibilidades de especialização nas áreas em que tem maior afinidade. 

Matérias relaciodas:

Referências 

MEC. Ministério da Educação. Pós-graduação Lato Sensu e Stricto Sensu. 2018. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/pos-graduacao Acesso em: 14 nov. 2020.

MENDES, Thais. Residência uniprofissional ou multiprofissional: qual escolher? Sanar Saúde, 21/10/2020. Disponível em: https://www.sanarsaude.com/portal/carreiras/artigos-noticias/colunista-farmacia-residencia-uniprofisional-ou-multiprofissional-qual-escolher. Acesso em: 14 nov. 2020.

SOARES, Filipe. Residência em Enfermagem: Entenda Como Funciona e Onde Fazer. Biblioteca Virtual de Enfermagem, 24/07/2019. Disponível em: http://biblioteca.cofen.gov.br/residencia-em-enfermagem-entenda-como-funciona-e-onde-fazer/ Acesso em: 14 nov. 2020.

ULIVING. O que é doutorado? 4 pontos para entendê-lo! Uliving, 03/04/2019. Disponível em: https://uliving.com.br/o-que-e-doutorado/ Acesso em: 14 nov. 2020.

Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.
Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.