Todas as Áreas

Carreiras

Como sair na frente na prova de títulos da residência | Colunista

Como sair na frente na prova de títulos da residência | Colunista

Olá futuro residente, esse post foi feito especialmente para você!

A prova de títulos na residência consiste em uma etapa importante, tendo em vista que as maiorias das bancas de seleção reservam cerca de 10 pontos para os títulos. Dessa forma esta etapa muitas vezes é vista com preocupação para alguns, enquanto que para outros ela vai consistir no diferencial para aprovação. Mas, hoje queremos te ajudar a desmistificar a prova de títulos para você arrasar no resultado final. Vamos juntos?

Antes das nossas dicas, é importante se atentar que a maioria das instituições responsáveis pelas provas de residência subdivide o barema da prova de títulos em três pilares, que estão esquematizados na imagem abaixo:
 

Áreas contabilizadas nas provas da residência.png (8 KB)

As atividades acadêmicas se referem a atividades de monitoria, pesquisa e extensão além de eventos na sua área de formação. Enquanto que a produção científica diz respeito à apresentação de trabalhos em eventos e publicação de artigo científico em anais de congressos ou em revistas científicas. As outras atividades, consistem em participação em estágio(s) extracurricular(es), participação em organização de eventos científicos em saúde e em cursos de aperfeiçoamento ou atualização que podem ser online ou presencial.

Desta forma, a nossa primeira dica é que antes de qualquer coisa, leia os editais dos anos anteriores e se atente as atividades que pontuam. Geralmente, as mudanças de um ano para o outro são mínimas. Desta forma, sugiro que você faça um check list, como no modelo abaixo, a fim de se planejar para conseguir pontuar no maior número de itens possíveis.

check linst de títulos para residência.png (19 KB)

Se você vai tentar a prova pelos próximos anos, aproveite para participar de todas as atividades oferecidas na sua faculdade ou universidade. A maioria das instituições oferecem projetos de iniciação científica, ligas acadêmicas, programas de monitoria e tutoria então, fique atento aos editais que costumam ser abertos no início do semestre, selecione uma área que você tenha aptidão e participe dessas experiências que irão agregar tanto profissionalmente quanto no momento da sua seleção para residência.

Outro diferencial é a produção científica. Dessa forma, sugiro que você se insira em um grupo de pesquisa na sua instituição. Os resultados da sua pesquisa podem ser expostos por meio de trabalhos em diversos eventos acadêmicos ou serem enviados como artigos acadêmicos para publicação.

Mas, se você não tiver a oportunidade de participar de um grupo de pesquisa, não desanime que tal procurar ajuda de um professor para orientá-lo e se juntar com outros colegas para escreverem trabalhos? Será maravilhoso e você ainda tem a oportunidade de aprimorar a sua escrita e aprofundar em assuntos específicos!

Se você já se formou e não teve a oportunidade de participar de nem uma das atividades já listadas, esse tópico também é pra você, pois mediante a participação em eventos científicos, estágios extracurriculares e cursos, você tem a oportunidade de pontuar. Se ofereça para ser estagiário em instituições que oferecem essa oportunidade, além disso, esse momento de pandemia tem sido bastante propício para participar de eventos que estão ocorrendo online. Diferentes plataformas também estão oferecendo cursos gratuitos que podem ser inseridos no currículo e te ajudar a conquistar o sonho da residência.

Espero que este texto tenha esclarecido eventuais dúvidas e te ajude a sair na frente na prova de títulos da residência.

Matérias relacionadas:

Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.
Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.