Logo Sanar

Carreiras

Medidas preventivas no cuidado com a saúde bucal em tempos de pandemia

Medidas preventivas no cuidado com a saúde bucal em tempos de pandemia.jpg (92 KB)

Conforme a Organização Mundial da Saúde (OMS), Saúde é um estado de completo bem-estar físico, mental e social. E nesse período de pandemia, como estão os seus hábitos e cuidados com sua saúde bucal?

Pois é, devemos sim estar atentos com a nossa saúde bucal, considerando que a boca é a principal porta de entrada de contaminantes sejam eles físicos, químicos e biológicos. Se voltarmos à anatomia do sistema digestório, concordamos que a digestão começa pela boca por meio da mastigação e das enzimas relacionadas a este processo. Como subproduto, temos os residuais de alimentos que quando acumulado podem subsidiar bactérias patógenas. Portanto manter a higiene bucal é primordial, e em tempos de pandemia, os cuidados devem ser intensificados.

Fisiologicamente a boca por suas características intrínsecas: ambiente escuro, quente e úmido, favorece a proliferação de bactérias. O biofilme dental é uma comunidade de bactéria importante para a saúde bucal mas que em acúmulo torna-se prejudicial. Esse acúmulo está associado a ausência e/ou má higienização bucal que provoca o desequilíbrio bacteriano responsáveis pela halitose, doença cárie, periodontite e gengivite. Dentre os principais sintomas referencia-se quadros de dor, sangramento gengival, mobilidade dentária podendo agravar para perda de dentes, acarretando desconforto ao paciente.

Em meados de março de 2020 o Brasil apresentou os primeiros casos de COVID-19 (Coronavirus desease 2019), doença causada pelo novo coronavírus denominado SARS-CoV-2 2 . O cenário inicial foi na Cidade de Wuhan na China em dezembro de 2019 com os primeiros registros de surto por pneumonia. O vírus possui alta transmissibilidade por meio de gotículas e aerossóis e por contato com as mucosas bucal, nasal e olhos. A higiene bucal configura um cuidado mais que essencial e indispensável assim como as medidas de prevenção do contágio e disseminação do vírus que hoje mais que nunca vem vitimado milhares de pessoas.

Os micro-organismos contidos na floral normal da boca em desequilíbrio e crescimento multiplicado, de forma oportunista podem migrar por meio da orofaringe e atingir as vias aéreas inferiores intensificando as síndromes e patologias respiratórias em pessoas sadias e principalmente nos pacientes que fazem ventilação mecânica o que agrava o risco de microaspiração de patógenos até o trato respiratório inferior. Para inibir esse crescimento acelerado de micro-organismos patógenos e manter a flora bacteriana saudável, deve-se realizar a higiene bucal com frequência, incluindo a língua e o dorso da língua, uso de dentifrícios e escova dental para a remoção mecânica de biofilme, uso do fio dental e enxaguantes bucal, além de manter a rotina de visitas periódicas ao cirurgião-dentista.

Lembre-se: Você é o seu melhor responsável!! Previna-se!!

Matérias Relacionadas:

REFERÊNCIAS

https://www.unip.br/presencial/comunicacao/publicacoes/ics/edicoes/2015/04_out- dez/V33_n4_2015_p344a346.pdf https://escsresidencias.emnuvens.com.br/hrj/article/view/37/21

http://www.direitoshumanos.usp.br/index.php/OMS-Organiza%C3%A7%C3%A3o-Mundial-da-Sa%C3%BAde/constituicao-da-organizacao-mundial-da-saude-omswho.html acesso em 28/05/2020.

https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/lis-LISBR1.1-22006

https://www.who.int/eportuguese/onlinelibraries/pt/

https://coronavirus.saude.gov.br/profissional-gestor#evidencias-cientificas

https://www.scielo.br/pdf/ress/v29n1/2237-9622-ress-29-01-e2020002.pdf

http://www.fo.ufu.br/sites/fo.ufu.br/files/conteudo/page/biofilme.pdf

https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1806-
37132009001100010&script=sci_arttext&tlng=pt

Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.