Farmácia

Carreiras

Como fazer flashcards para estudar para Concursos e Residências

Como fazer flashcards para estudar para Concursos e Residências

Que é preciso estudar para passar em provas de concursos e residências em Saúde, todo mundo sabe. O que vale destacar é que há diferentes formas de fixar conteúdos. É o caso dos flashcards. Simples de fazer, esses cartões são eficientes e trazem dinamismo ao aprendizado.

Esquecer é um processo natural do ser humano. Estamos susceptíveis a tantas informações que nosso cérebro precisa liberar aquilo que não considera importante para dar espaço àquilo que pode vir a ser.

Nos estudos não é muito diferente. E é por isso que os flashcards são uma excelente ferramenta para esse momento de preparação para provas de concursos e residências.

Você acompanha a Sanar Saúde nas redes sociais e sabe que é prática nossa publicar flashcards frequentemente. Isso porque os flashcards fazem muita diferença na assimilação de conteúdos específicos.

Quer saber por que os flashcards turbinam seus estudos?

A gente mostra a seguir. Vem com a gente!


Junte-se a mais de 5.000 estudantes e profissionais que já assinam o Sanar Saúde +, plataforma de estudos em Saúde mais completa do mercado!


Flashcards são…

Os Flashcards nada mais são do que cartões de estudo rápido, com foco na memorização. É simples: em um flashcard você escreve a informação que deseja aprender e pronto!

De um lado do cartão pode estar uma pergunta ou uma palavra-chave. No verso, a resposta ou um comentário referente ao conteúdo.

Esses cartões funcionam muito bem para conceitos, pontos de legislação, fórmulas, exceções. Mas, são recomendados para qulquer tipo de informação, seja em qual disciplina for.

Independentemente de como você faça, os flashcards auxiliam na memorização e na assimilação dos mais diversos conteúdos. Como? Simples: eles utilizam os princípios de recordação ativa e repetição espaçada.

Na recordação ativa, a pessoa que estuda deve recuperar uma resposta com exatidão. Já na repetição espaçada, é necessário revisão periódica de um conteúdo assimilado.

Engana-se quem pensa que isso é novidade. Os flashcards existem há muito tempo. Conta-se que eles são usados desde o século XIX. Os primeiros deles foram os cartões fonéticos ‘Reading Disentangled’, de 1834, criado pelo educador inglês Favell Lee.

flashcards-sanar-enfermeira-concurseira.jpg (229 KB)

Exemplo de flashcard para estudos em Saúde

Como criar os flashcards

Como vimos, os flashcards são cartões de estudo rápido. Eles podem ser feitos em papel ou gerados em aplicativos digitais.

Veja como fazer:

Os flashcards manuais são bem práticos. Basta pegar uma folha de papel ou cartolina, por exemplo, e dividir em pedaços iguais. Corte com tesoura ou régua.

Você pode usar cartolinas de diferentes cores para diferenciar temas, por exemplo. Uma vez feitos os recortes, é hora de preenchê-los com as informações que quiser fixar.

Não há limites para flashcards. Faça quantos achar necessários, ok? Só é importante lembrar que as informações devem ser colocadas de forma objetiva para assimilação rápida. E, também, que devemos dar preferência às informações importantes para determinado objetivo.

Já para os flashcards digitais o interessado pode recorrer a aplicativos. Entre as opções gratuitas estão os: Anki, Quizlet, Cram e Open Cards.


Quer ser aprovado em Residência? Torne-se o candidato mais preparado para as provas com os materiais de estudo da Sanar Saúde!


Dicas para construir os flashcards

  • Seja direto, nada de longas explicações na face de respostas. Afinal, os flashcards não são fichas-resumo (que são ótimos, também).
  • Para turbinar ainda mais a memorização, fale sobre eles em voz alta ou leia algum conteúdo sobre o assunto depois de checar a resposta.
  • Explore os diferentes recursos: símbolos e imagens também podem estar na face das respostas, quando for o caso.
  • Vai usar os flashcards? Embaralhe bem para que sua experiência seja diferente, a cada vez. Isso enriquece mais o processo de memorização.
  • Lembre-se: não se trata de perder tempo. Veja o momento de confecção dos flashcards como um recurso de aprendizado e síntese. Vale a pena!
  • Recomendamos, no caso dos cards manuais, já deixá-los recortados. Assim, quando se deparar com os conteúdos, fica mais fácil preenchê-los.
  • Outra forma é ir relacionando as informações em um documento para depois inserir nos cards, sejam manuais ou digitais.
  • Busque as informações em material de qualidade e redija de forma simples, direta e objetiva.

Estudar para provas em Saúde

Os flashcards têm base científica, na medida em que ajudam a driblar a curva do esquecimento proposta pelo alemão Herman Ebbinghaus.

Vale saber que estudos mostram que a maior parte do esquecimento se produz nos primeiros momentos logo após a aprendizagem. A técnica da repetição espaçada é fundamental, portanto, para contornar essa tendência natural do cérebro humano.

Funciona mais ou menos assim: quando estudamos um assunto, a curva de conhecimento é crescente até que se atinja um pico de aprendizado.

Daí em diante, deixamos de estudar aquele conteúdo e a curva de conhecimento começa a decrescer, numa tendência de esquecimento quase total.

Para que o conteúdo aprendido seja retido, é preciso revisitá-lo frequentemente. Especialistas costumam recomendar revisões iniciais de 10 minutos diários para cada hora/aula expositiva, a partir de um dia desde que você estudou o assunto.

Depois de uma semana, revisões de 5 minutos para cada hora/aula passam a ser suficientes. Em 30 dias, será preciso apenas de 2 a 4 minutos para atingir o pico de aprendizagem.

A recomendação é que você revisite os flashcards até que o conteúdo esteja totalmente gravado na sua memória. Se for necessário criar outros cards durante o processo de estudo, crie.

Lembre-se que os flashcards não podem ser a única forma de estudo. Concilie com materiais preparatórios de qualidade, livros com questões comentadas, aulões e vídeos, por exemplo.

Lançar mão de mapas mentais também é uma boa. Outra dica quente é usar o aplicativo de questões da Sanar Saúde.


Saia na frente da concorrência: estude para as provas das melhores Residências do Brasil com os cursos preparatórios do Sanar Saúde +!


Fenômeno da reminiscência

Por ativarem um conhecimento depois de adquirido, os flashcards promovem o fenômeno da reminiscência. Nesse caso, o cérebro resgata informações que não eram recordadas devido à repetição dos estudos.

O fenômeno da reminiscência foi descrito pela primeira vez na literatura científica pelo psicólogo inglês Ballard, em 1913. O cientista descobriu que a fixação de um conteúdo é maior algum tempo depois de o estudante adquirir conhecimento do que imediatamente depois de estudar.

A ideia geral é que a informação não foi perdida totalmente e que uma pista pode resgatar o que você já assimilou.

A eficiência dos flashcards é comprovada. Estudo de Sales, Carneiro e Oliveira (2019) mostra que 73,33% dos estudantes da disciplina de Histologia consideraram o método com boa eficácia na revisão dos estudos.

Outros 13,33% disseram que o aprendizado foi excelente; 6,66% disseram que foi razoável e 6,66% disseram que foi ruim.

Sabemos que o volume de conteúdos de quem estuda para concursos ou residência em saúde é grande. E que isso, naturalmente, gera ansiedade nos candidatos. Portanto, tire proveito da praticidade dos flashcards e torne sua preparação mais dinâmica.

Foco, disciplina e organização continuam sendo importantes, combinado? Elabore um cronograma de estudos e siga em frente!

Agora conta pra gente: prontos para elaborar os seus flashcards e impulsionar seus estudos?

Leia também:

Por que estudar com antecedência para Concursos e Residências em Saúde

+ Concursos em Saúde abertos no Brasil

+ Residências em Saúde abertas no Brasil


Gostou desta matéria? Dê o próximo passo de sua carreira com os livros e cursos preparatórios da Sanar Saúde!

Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.
Cadastre-se para ter acesso personalizado ao conteúdo completo da Sanar.