Prova - Médico Pediatra - FAEPESUL - 2016

Detalhes

Profissão: Medico
Cargo: Médico Pediatra
Orgão: Pref. Lauro Müller/SC
Banca: FAEPESUL
Ano: 2016
Nivel Superior

Conteúdo de gab_preliminar_todos_cargos.pdf - 20/43

Página Anterior // Proxima página

FUNDAÇÃO DE APOIO À EDUCAÇÃO, PESQUISA E EXTENSÃO DA UNISUL
MUNICÍPIO DE LAURO MULLER - SC
CONCURSO PÚBLICO - EDITAIS N° 001/2016, 002/2016, 003/2016 e 004/2016
ELETRICISTA
GABARITO PRELIMINAR
QUESTÃO RESPOSTA
1 A
2 C
3 B




PORTUGUÊS
4 E
5 D
6 E
7 D
8 B
9 C
10 A
11 C
12 D
MATEMATICA


13 E
14 A
15 E
16 A
17 D
18 B
19 C
20 B
21 C
LEGISLAÇÃO MUNICIPAL




22 A
23 B
24 D
25 B
26 D
27 A
28 E
29 C
30 E
31 D
32 B
ESPECÍFICAS




33 C
34 E
35 C
36 E
37 A
38 D
39 A
40 B




www.editorasanar.com.br

Conteúdo de medico_pediatra.pdf - 20/24

Página Anterior // Proxima página

33. São consideradas doenças comuns na criança os agravos que acomete as vias
aéreas, dos pulmões e dos ouvidos. Referente a estes agravos, leia atentamente os
itens que seguem, coloque nas questões V (verdadeiro) quando a afirmação for
correta e F (falso) quando a afirmação for falsa. Após assinale a questão que
contempla a ordem correta das alternativas.

( ) Em casos de rinofaringite aguda as infecções seguidas são decorrentes da
instalação de processo catarral crônico acompanhado de secreção mucopurulenta
persistente.
( ) Na sinusite de longa duração instala-se, muitas vezes, um processo de bronquite
subaguda ou crônica, sendo o diagnóstico destes casos baseia-se na radiografia dos
seios paranasais.
( ) Em casos de adenoidites agudas, alguns sinais sugestivos compõe, respiração de
boca aberta, voz anasalada, presença de secreção mucopurulenta na parede posterior
da faringe e linfadenopatia dolorosa na região occipital.
( ) A amigdalite catarral simples acompanha ? se de palidez local e aumento de
volume das amígdalas, com formação de pontos de pus, associa-se quase sempre à
faringite.
( ) A amigdalite não tratada pode, as vezes, ser seguida de complicações tais como
glomerulonefrite, febre reumática, septicemia ou abscesso peri - amigdalismo.

A ordem CORRETA de cima para baixo está na alterativa:

A) V, F, V, F, V.
B) V, F, F, V, F.
C) F, V, V, F, V.
D) F, V, F, V, V.
E) F, V, F, F, V.


34. Leia o caso abaixo e assinale a conduta apropriada para esta criança. Uma
menina lactente de 11 dias de vida é trazida ao pediatra para avaliação, apresenta
erupção vesicular, dolorosa e avermelhada na região das fraldas. Está inquieta, mas
afebril e aceitando bem a alimentação, para tanto o pediatra deve:

A) Encaminhar a criança para a realização imediata de um EEG e de uma TM
abdominal.
B) Prescrever um creme antifúngico e fazer uma avaliação por telefone após 24
horas.
C) Realizar o esfregaço de Tzanck e encaminhar o paciente para seu domicílio caso
não sejam encontradas células gigantes ou inclusões intranucleares.
D) Encaminhar a mãe com a criança para consulta com um dermatologista
pediátrico.
E) Coletar amostra para cultura do HSV e internar a criança no hospital para
aciclovir parenteral.


20


www.editorasanar.com.br

Provas relacionadas

Cargo Orgão Ano
Médico Psiquiatra Pref. Lauro Müller/SC 2016
Médico Plantonista Pref. Lauro Müller/SC 2016
Médico Pediatra Pref. Lauro Müller/SC 2016
Médico Ortopedista Pref. Lauro Müller/SC 2016
Médico Gineco-Obstetra Pref. Lauro Müller/SC 2016